Arvorezinha

DANI LIMA É UM NOME BEM ACEITO POR ELEITORES ARVOREZINHENSES

Jovem e com uma trajetória política já conhecida, Dani Lima, como é conhecido, alcançou confiança por grande parte da população, que vê com bons olhos sua possível candidatura ao cargo de prefeito municipal. Entre os traços mais comentados, está a simplicidade e sua postura, com a qual se mantém firme para fazer declarações.

Recentemente se propôs como pré-candidato ao cargo de prefeito, pelo Progressistas-RS, para concorrer ao pleito municipal nas eleições de 2020.

Dani afirmou à redação do jornal Notiserra, sentir-se preparadíssimo para concorrer ao cargo majoritário. “Venho de duas eleições onde fiz 10% dos votos válidos no município, sou de origem pobre, pelo qual sou sabedor das dificuldades que as pessoas possuem e suas necessidades, tanto na saúde, agricultura, na educação; porque para administrar um município é preciso já ter passado por todas essas fases e eu sinto que no momento de hoje, estou preparado e me preparando para ser um dos melhores administradores do município”, pontua.

Completando oito anos como vereador do município, a reportagem o questionou sobre o que entende ser necessário ao município e às comunidades em termos de mudanças e de melhorias, onde destacou quatro áreas que necessitam de atenção, saúde, agricultura, obras e educação e que reafirma seu pensamento.  “O município precisa de um gestor que pense nas pessoas como um todo e não em meia dúzia; que pense na saúde, para que o município tenha uma saúde diferenciada; que tenha uma agricultura com maior rendimento e maiores incentivos. Enfim ajudar o pequeno agricultor que tem o sonho de ter a sua agroindústria. Uma educação em que se visualiza no nosso município, que não firmou nenhuma secretária da educação em quatro anos”, elencou.

Dani ainda relatou sobre a importância da educação, de princípios e cultura em uma pessoa. “Sinto-me um jovem ainda, com vontade, talento para visualizar a dificuldade e as necessidades, onde é preciso agir com mais facilidade, ajudando principalmente as pessoas na saúde, a qual é visível estar deixando muito a desejar. Nós precisamos de saúde para o nosso município de Arvorezinha”, disse.

A reportagem também perguntou ao pré-candidato o que ele acha sobre a atual situação política e sobre as diversas perdas em que são vivenciadas, se isto pode afetar de alguma forma a credibilidade das pessoas e o que ele diria à população arvorezinhense que neste momento está desacreditada, o qual ressaltou que as pessoas devem olhar o candidato em que votou anteriormente, deve analisar se quando precisou foi acolhido. “Não tem o que fazer, é preciso escolher alguém, não se pode olhar a política com maldade, é preciso filtrar as pessoas, não se concentrando no partido, que analisem as pessoas pelo que fizeram, pelo que deixaram de fazer, valorizando mais a pessoa e não ao partido”, acrescentou.

Jornal Noitiserra Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
×
Jornal Noitiserra Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
Latest Posts